Blog
6 dicas de como decorar a casa enquanto apoia causas importantes

6 dicas de como decorar a casa enquanto apoia causas importantes

Se você está pensando em decorar ou redecorar sua casa, acredite, essa pode ser uma oportunidade para ajudar. Confira seis dicas de como fazer!

A Pandemia tem provocado mudanças em nossas vidas, e por conta dessas mudanças, estamos repensando tudo, verdade? Nos demos conta de que, infelizmente, existem algumas comunidades e classes de trabalhadores mais frágeis que outras. A parte boa é que estamos mais sensibilizados e solidários às causas que considermos importantes.

Se você está pensando em decorar ou redecorar sua casa, acredite, essa pode ser uma oportunidade para ajudar. Aqui vão seis dicas de como fazer.

1. Contrate um marceneiro

Muitas vezes damos preferência a grandes franquias de móveis planejados pelas promessas de cumprimento de prazos e qualidade. Mas vou te falar: nem sempre é uma vantagem. Os serviços de marcenaria podem ter acabamentos iguais ou superiores ao dessas lojas, além de oferecerem mais possibilidade de personalização do design e, normalmente, possuírem preços mais em conta.

2. Compre no seu bairro

Além de ser mais sustentável do ponto de vista do deslocamento, comprar do lojista do seu bairro garante a sobrevivência do comércio local.

comprar do pequeno negócio faz diferença
Freepik

Por serem menores e não ter capital de giro para fazer grande estoque, essas lojinhas costumam ter preços menos competitivos que os das grandes redes. Se puder pagar mesmo assim, faça sem pestanejar.

Já se seu orçamento for apertado e o preço for crucial para você, negocie com o comerciante. Ceder um desconto ou ajustar a forma de pagamento pode ser interessante para os dois.

3. Dê uma primeira chance

Sabe aquela amiga que está começando a se profissionalizar na estofaria ou aquele vizinho pintor? Comece por eles. Criar um círculo de ajuda mútua com os mais próximos é importante para gerar um senso de comunidade e fazer da economia local sustentável a longo prazo.

como apoiar os amigos
Pixabay

Também fique atento aos não conhecidos. Algumas das marcas e empresas mais preocupadas com o meio ambiente, com bem-estar social e mais transparentes no seu processo de produção são marcas jovens, que estão começando. Dê uma chance comprando delas. Se gostar do produto ou serviço, tire foto, divulgue nas redes sociais e recomende aos amigos.

Powered by Rock Convert

4. Valorize a arte regional

Você conhece os artesãos de sua região? Se não conhece, aposto que vai se surpreender com a quantidade e a variedade de escultores, pintores, esculpidores, ourives, bordadeiros e trançadeiros de sua cidade ou de localidades próximas.

Cada região tem a sua peculiaridade e cada peça produzida ali carrega um pouquinho da história e do charme local. Prestigiar artistas populares locais é muito importante para manter o trabalho deles e levar a cultura regional adiante, às próximas gerações.

artesanato mato grosso do sul
Banquinhos produzidos pelo artesão Luiz Mauro, de Campo Grande (MS).
Fonte: Instagram Arter Imaterial

Sua casa vai agradecer ao ser contemplada com essas obras, e a sua sensação de pertencimento ao olhar para cada uma delas trará o aconchego que você merece.

5. Fortaleça comunidades remotas

Alguns dos mais tradicionais povos brasileiros estão em risco de desaparecer ou em situação de precariedade. As comunidades quilombolas e as tribos indígenas são as mais sensíveis à destruição da natureza,  às mudanças climáticas e às ocupações ilegais de terra. Para sobreviver, elas precisam de visibilidade e apoio.

Existem coletivos dispostos a disseminar a arte produzida nessas comunidades e assim fortalecer a cultura e fomentar geração de renda por essa população. Para adquirir sua arte, não é necessário visitá-los. Os próprios coletivos garimpam e vendem essa produção artística. São peças lindas e a cara do Brasil. Levam beleza e identidade a qualquer decoração.

artesanato ilha de marajó
Cerâmica Marajoara produzida na ilha de Marajó por herdeiros de etnias indígenas da região.
Fonte: Instagram Arte Canoa

6. Seja um benfeitor

Algumas ONGS ou coletivos vendem produtos para financiar a própria manutenção. Na internet é possível encontrar organizações sem fins lucrativos que promovem a cultura e a educação em comunidades carentes, que oferecem ajuda a famílias na linha da pobreza e que incentivam o desenvolvimento de mulheres das favelas. Há também ONGS que ajudam na preservação de animais silvestres e de animais marinhos em risco extinção e as que amparam animais domesticados em situação de rua.

Caneca na lojinha da ONG Ampara Animal

Na lista de objetos de decoração vendidos por elas aparecem ímãs, canecas, pratinhos, toalhas de mesa, almofadas, e até esculturas. Comprar dessas organizações te torna automaticamente um benfeitor da causa referente. Com certeza uma nobre maneira de decorar a casa.


E agora, na hora de decorar, quem você vai apoiar primeiro?

Aneli Dias Borges-Garcez é parte integrante da natureza, arquiteta, especialista em Arquitetura Sustentável. Acredita na arquitetura e no design como ferramentas para promover qualidade de vida, saúde, produtividade e bem-estar. Siga no Instagram @aneliborgesgarcez.arq


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.