Blog
Apoie o trabalho de mulheres: saiba como aqui!

Apoie o trabalho de mulheres: saiba como aqui!

Durante a pandemia, houve uma intensificação do desemprego, afetando, principalmente, mulheres e negros. O que podemos fazer para fortalecermos umas às outras?

Não é segredo para ninguém que a taxa de desemprego entre as mulheres é mais alta que a dos homens. Alguns contratantes preferem funcionários por diversos motivos, mas o principal é: eles não engravidam, menstruam ou “sofrem” com alterações de humor e produtividade por causa de seu ciclo menstrual.

No entanto, durante a pandemia, houve uma intensificação do desemprego (e de outras questões), afetando, principalmente, mulheres e negros. Diante desse cenário, o que podemos fazer para fortalecermos umas às outras?

Pensando nisso, preparei este post para falar sobre a importância de apoiar o trabalho de mulheres e ainda explico como fazer isso. Acompanhe!

Por que apoiar o trabalho de mulheres?

Você já ouviu falar em sororidade? A palavra tem origem no termo latim “sóror”, que significa “irmãs”, logo, se refere à união entre as mulheres. No feminismo, isso consiste em não julgarmos previamente umas às outras e não reforçar estereótipos preconceituosos e machistas, como a rivalidade do gênero.

Quantas vezes você já julgou uma mulher, mesmo sem querer, pelo o que ela estava vestindo, fazendo ou falando? É preciso quebrar esse padrão, enterrar essa concorrência com a qual somos compelidas a lidar desde pequenas e exercitar a empatia com nossas irmãs. Precisamos entender que não somos rivais, somos a revolução. Somos mais fortes quando estamos juntas.

Isso tem tudo a ver com o trabalho. Com o desemprego em alta, empreender pode ter sido a única solução para muitas mulheres se inserirem no mercado de trabalho e cuidarem de seus filhos e filhas. Portanto, apoiando o trabalho dessas pessoas, empoderamos elas, encorajamos seu sonho e contribuímos, em alguns casos, para sua única fonte de renda.

Como fortalecer o trabalho de uma mulher?

Indique uma mulher para vagas de emprego

Vagou um cargo legal na empresa onde você trabalha? Caso não conheça alguém para indicar, sugira a contratação de uma mulher. Agora, se você conhece uma mana que tem tudo a ver com a vaga, aproveite para apoiá-la. Peça o currículo dela e faça a ponte se puder. Outra ideia é marcá-la no anúncio para que ela corra atrás.

O mesmo vale quando você encontra vagas legais pela internet. Vai custar para você um total de ZERO reais tirar um print do anúncio e encaminhá-lo para uma mulher desempregada. Todavia, acredite: isso vai significar muito para ela.

Prefira contratar mães e idosas

Você tem uma empresa e está pensando em contratar alguém? Dê essa oportunidade para mulheres preferencialmente, mães e idosas. Este não deve ser seu único objetivo, mas criar um programa que apoia o retorno dessas pessoas ao mercado de trabalho é bastante positivo para a imagem do negócio.

Ademais, contratar uma mulher que já vivenciou a maternidade tem suas vantagens. Estudos indicam que não é só o corpo que muda durante a gestação. O cérebro também passa por uma considerável alteração a fim de preparar a mãe para compreender as necessidades de sua cria.

Powered by Rock Convert

Isso tudo pode afetar positivamente capacidades como criatividade, relacionamento interpessoal e percepção/controle das emoções.

Com relação às mulheres idosas, é válido ressaltar que grandes empresas já perceberam o quanto pode ser vantajoso contar com a experiência e a diversidade de gerações em seu staff. Além disso, essas pessoas tendem a ser mais responsáveis, confiantes, dedicadas e maduras emocionalmente.

Leia textos e livros escritos por mulheres

Foto de Min An no Pexels.

Quantos livros escritos por mulheres você leu no último ano? Mesmo no século XXI, é difícil para escritoras terem algum reconhecimento no mercado editorial, pois ainda há quem pense que mulher só serve para escrever sobre romance (e olhe lá), mesmo que nossa vida vá muito além de nossos relacionamentos amorosos.

Publicar um livro não é fácil por muitos motivos. Além da óbvia questão financeira, ocorre uma exposição de quem se é. Sendo assim, mais do que ler histórias com protagonistas femininas, crie o hábito de consumir textos e livros escritos por mulheres. E digo mais: leia escritoras pretas. Eu costumo indicar os nomes de Carolina Maria de Jesus, Angela Davis, Bell Hooks, Conceição Evaristo, Chimamanda Ngozi Adichie, Ryane Leão e Djamila Ribeiro.

Compre de pequenas empreendedoras

Conhece uma mulher que está começando a empreender? Se puder, consuma o produto ou serviço que ela está oferecendo. Às vezes, o que parece pouco para você, pode ser muito para quem vende. Outra possibilidade é indicar o trabalho dessa irmã.

Acho importante salientar que não é legal ficar pedindo desconto, usando termos como “precinho” ou soltar comentários inconvenientes como “nossa, mas que caro”. É feio precificar o trabalho alheio. Por outro lado, está tudo bem se não puder comprar, pois há outras maneiras de apoiar, como veremos no próximo tópico.

Use suas redes sociais para apoiar

Não tem condições de comprar o produto ou serviço que sua amiga anunciou? Então, fortaleça o trabalho da pessoa através das redes sociais, curtindo, comentando e compartilhando os posts de sua página profissional.

Hoje, não precisa ser digital influencer para influenciar amigos e família. Qualquer pessoa pode praticar um dos tipos mais potentes de marketing por meio da internet: o Marketing Boca a Boca. Outra vez, isso não vai custar nada para você, mas pode colaborar muito para impulsionar o trabalho de uma mulher.

Apoiar o trabalho de mulheres é uma forma de você e eu ajudarmos a melhorar a vida de uma pessoa e sua família, e nem precisamos fazer muito esforço para isso.

Achou as informações deste post relevantes? Então compartilhe o texto em suas redes sociais e fortaleça já o trabalho de uma mulher.


Mayara escreve sobre coisas que fazem seu coração bater mais forte desde 2016. Também gosta de ler, bordar, tomar café, assistir séries e afofar seu coelho (não necessariamente nessa ordem). Conheça ela no Instagram @may_paes e no @bastidordesaturno.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.