Blog
Aromaterapia: o que é, quais os benefícios e como usar a seu favor?

Aromaterapia: o que é, quais os benefícios e como usar a seu favor?

A aromaterapia é uma medicina natural com muitos benefícios. Continue a leitura e entenda melhor o que é e quais técnicas usar.

O autocuidado é algo que já deveria fazer parte do nosso dia a dia, mas ele só ganhou espaço na agenda de várias pessoas durante a pandemia devido ao isolamento social. Esse período gerou introspecção e escancarou o que realmente importa na vida de muita gente.

Um abraço, o encontro com os amigos no fim de semana, um café na padaria favorita, alguém que sempre víamos e que já não podemos ver… Pequenas coisas se tornaram grandes nos últimos meses, não é mesmo?

Quanto à minha experiência, tive tempo para dedicar a mim mesma. Ler os livros que estavam acumulados na estante há meses e aprender algo que sempre desejei, sem cobranças e expectativas.

A questão é que, finalmente, notamos o quanto é importante fazer algo por nós e, nesse meio-tempo, as terapias alternativas ganharam destaque. Nesse contexto, a aromaterapia é uma medicina natural com muitos benefícios e que está longe de ser charlatanismo, como muitos pensam.

Ficou interessade? Continue a leitura e entenda melhor o que é aromaterapia, os tipos de óleos essenciais e como usar a técnica a seu favor.

O que é aromaterapia?

Usada há centenas de anos, essa ferramenta de cuidado integrativo físico e emocional é uma especialidade terapêutica que utiliza o olfato e os óleos essenciais (OEs) que são extraídos das folhas, talos e flores das plantas.

Cuidado para não fazer confusão, pois óleo essencial não é a mesma coisa que essência!

Enquanto os OEs são naturais e possuem propriedades terapêuticas, as essências são sintéticas e podem causar reações alérgicas. Por esse e outros motivos que profissionais da área sempre dizem que a aromaterapia requer conhecimento e atenção no uso. Inclusive, aproveito a deixa para sugerir que você procure por um naturopata ou profissional especialista no assunto, uma vez que só eles podem dizer qual é o óleo essencial correto para cada caso.

Quais os benefícios dessa terapia alternativa?

O aroma e as partículas liberadas pelos diferentes OEs estimulam várias partes do cérebro humano, contribuindo para muitos efeitos positivos em nosso corpo, como promover o bem-estar, aumentar as defesas do organismo e aliviar sintomas de ansiedade, insônia, falta de concentração e resfriado.

Os óleos essenciais têm efeitos diversos e podem ser usados separados ou juntos para tratar vários problemas ao mesmo tempo. Pensando nisso, separamos na lista a baixo os mais utilizados na aromaterapia e seus benefícios. Confira!

*OBS.: Sempre utilize poucas gotas! Óleos essenciais são extratos bem concentrados.

Lavanda

Combate o estresse, os resfriados, as dores de cabeça, a insônia e os problemas respiratórios.

Alecrim

Favorece a memória, a concentração, o crescimento capilar e a circulação. Também serve para aliviar dores musculares e articulares.

Camomila

Promove serenidade, melhora a tensão muscular, combate a inflamação do sistema urinário e reduz inchaços, picadas e alergias.

Eucalipto

Ajuda na assepsia de ambientes para quem tem problemas respiratórios, atua de forma expectorante, prevenindo sintomas de rinite e resfriados.

Malaleuca

Com ação antifúngica e anti-inflamatória, esse óleo essencial pode diminuir acnes e manchas na pele se utilizado corretamente.

Canela

Reduz cansaço físico e/ou mental, irritabilidade, tonturas, cólicas menstruais e dificuldade em relaxar.

Bergamota

Melhora a autoconfiança, o otimismo (auxilia o cérebro nesse sentido), as infecções na pele e a digestão.

Limão

Atua nos sintomas de ansiedade, na falta de concentração, no estresse, na falta de energia e na má digestão, bem como fortalece o sistema imunológico.

Ylang Ylang

Trabalha a autoestima, melhora a libido, relaxa e atenua sintomas de menstruação e menopausa.

Laranja doce

Traz animação, alivia a ansiedade e propicia a empatia.

Manjericão

Fortalece a concentração e estimula a criatividade. Além disso, trata verrugas e ajuda em processos de tosses e dores crônicas.

Jasmim

Possibilita e eliminação de bloqueios emocionais e auxilia no combate aos distúrbios relacionados à sexualidade. Isto é, encoraja a autoaceitação.

Pinho

Ajuda a encarar as próprias emoções e a lidar com crenças limitantes. Esse óleo essencial é indicado para quem tem dificuldade em receber o amor em sua vida. Em termos físicos, enfraquece sintomas de sinusite e resfriados.

Tomilho

Repele insetos, trata micoses, previne o esgotamento físico e emocional e coopera na liberação de medos que paralisam.

Como usar a aromaterapia a seu favor?

Inalação

Essa é a forma mais comum e completa para obter os benefícios dos OEs, pois permite que as moléculas cheguem facilmente no sistema límbico do cérebro. Assim, cria-se alterações no funcionamento do corpo, tornando-o capaz de se curar.

É válido reforçar que é fundamental buscar o suporte de um profissional capacitado. Isso dado que ele ou ela apontará a maneira mais adequada de você inalar, indicando variações de números e de intensidade (inalações curtas, médias e longas).

Aromatização

Photo by Drew L on Unsplash

Se você gosta de deixar sua casa cheirosa, por que não unir o útil ao agradável? Pingue 2 ou 3 gotas do seu óleo essencial predileto no interior do aparelho com água. Uma nuvem de fumaça aparecerá e liberará o aroma por todo o cômodo.

Não tem problema se você não tiver um aromatizador. Uma opção mais econômica é pingar as poucas gotinhas do OE em uma xícara com água fervente, pois à medida que o líquido evapora, o aroma é liberado para o ar.

Evaporização

Você pode aplicar algumas gotas do óleo essencial em bolinhas de algodão, compressas ou num pano limpo. O OE evaporará e seu aroma será liberado. Trata-se de uma boa ideia para quem deseja utilizar a técnica da aromaterapia no ambiente de trabalho, por exemplo.

Pulverização

Essa é a opção mais prática para você espalhar o aroma por todos os cantos que deseja. Para tanto, basta adicionar algumas gostas do OE no depósito do spray e completar com água. Lembre-se de sacudir para misturar bem antes de espirrar.

Vaporização

Está com problemas para respirar? Pegou um resfriado? Pingue algumas gotas do óleo essencial escolhido em uma bacia com água fervente e respire a fumaça, inalando as propriedades para hidratar e relaxas as vias respiratórias. De preferência, cubra a cabeça com uma toalha para concentrar o vapor.

Massagem

Para tratar dores musculares e articulares, infecções e problemas na pele, opte pela massagem. Gostou da ideia? Misture algumas gotinhas do OE pretendido num óleo vegetal, como o de coco, arroz ou sésamo. Aliás, é importante mencionar que em tratamentos tópicos não é indicado misturar mais que 2 óleos essenciais.


Essas foram algumas ideias para usar a aromaterapia a seu favor, mas existem várias outras, como banho, óleo facial, escalda-pés, colar aromático etc.

Espero que você tenha percebido que essa arte-ciência é um tratamento curativo com múltiplos benefícios bem simples de aproveitar, desde que haja o suporte de um profissional treinado para o uso seguro dos óleos essenciais.

Quer ficar por dentro dos próximos posts?  Siga o Buscavegan no Facebook, no Instagram e no Twitter.


Mayara escreve sobre coisas que fazem seu coração bater mais forte desde 2016. Também gosta de ler, bordar, tomar café, assistir séries e afofar seu coelho (não necessariamente nessa ordem). Conheça ela no Instagram @may_paes e no @bastidordesaturno.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.