Blog
Leite Vegetal: tudo o que você precisa saber – parte 1

Leite Vegetal: tudo o que você precisa saber – parte 1

Quem já passou ou está passando pela transição para o veganismo sabe que fazer certas substituições na dieta, além de complexo, pode ser pouco econômico. Um exemplo disso, e também o motivo deste post, é o leite. Numa ida rápida ao supermercado é fácil encontrar diversas opções industrializadas de leite vegetal. O problema, no entanto, está no preço da maioria desses produtos. Sendo assim, por que não prepará-los de forma natural, livre de aditivos químicos e conservantes, no conforto do seu lar?

Quem já passou ou está passando pela transição para o veganismo sabe que fazer certas substituições na dieta, além de complexo, pode ser pouco econômico. Um exemplo disso, e também o motivo deste post, é o leite.

Numa ida rápida ao supermercado é fácil encontrar diversas opções industrializadas de leite vegetal. O problema, no entanto, está no preço da maioria desses produtos. Sendo assim, por que não prepará-los de forma natural, livre de aditivos químicos e conservantes, no conforto do seu lar?

Continue a leitura para aprender a produzir seu próprio leite vegetal com base nas dicas da SVB (Sociedade Vegetaria Brasileira)!

Leite de avelã ou nozes

Já pensou em utilizar o leite de avelã para preparar uma “Nutella” vegana? Uma ótima pedida para o café da manhã, não acha?

Ingredientes:

  • 80 g de avelã ou noz;
  • 750 ml de água filtrada.

Modo de preparo:

  • descasque os avelãs (ou as nozes) e deixe de molho por 12 horas;
  • coe e bata no liquidificador com a água filtrada;
  • peneire e está pronto seu leite vegetal.

Você pode usar essa mesma quantidade e instruções de preparo para fazer leite de castanha-do-pará ou castanha de caju.

Leite de amendoim

Ingredientes:

  • 1 xícara de amendoim torrado (sem sal);
  • 4 copos de água filtrada;
  • 1 colher de sopa de aveia caso queira um leite mais encorpado (opcional).

Modo de preparo:

  • ferva a água com a aveia por cerca de 3 minutos;
  • no liquidificador, bata a mistura com o amendoim e coe.

Leite de amêndoas

O leite de amêndoas está entre os preferidos de muitos veganos, afinal, trata-se de um ingrediente versátil. Uma ideia é preparar uma deliciosa maionese de batata e cenoura para acompanhar seu café da tarde. Agora, confira os ingredientes:

  • ½ copo de amêndoas descascadas;
  • 400 ml de água filtrada.

Modo de preparo:

  • mantenha as amêndoas de molho por 8 a 12 horas;
  • coe e bata as amêndoas com a água filtrada;
  • agora, basta peneirar e está pronto.

Uma dica: se você prefere um leite mais fino e homogêneo, mergulhe as amêndoas em água fervente e retire toda a película que as envolve antes de batê-las.

Leite de arroz

Ingredientes:

  • ¼ xícara de arroz integral;
  • 500 ml de água filtrada.

Modo de preparo:

  • ponha o arroz de molho por 6 horas;
  • cozinhe-o sem sal;
  • em seguida, bata-o no liquidificar com a água filtrada e coe.

Leite de aveia

Ingredientes:

Powered by Rock Convert
  • 2 xícaras de aveia em flocos;
  • 4 xícaras de água filtrada.

Modo de preparo:

  • coloque a aveia e a água no liquidificar;
  • aguarde por 2 horas antes de bater e coar;
  • caso fique muito grosso, você pode adicionar mais um pouco de água.

Siga essa mesma receita para preparar o leite de linhaça, mas deixe de molho por 4 horas.

Leite de quinoa

Ingredientes:

  • 4 colheres de sopa de quinoa;
  • 1 litro de água.

Modo de preparo:

  • leve os ingredientes para uma panela e ferva;
  • peneire e depois adicione mais 1 litro de água;
  • cozinhe por 25 minutos, bata no liquidificar e, se quiser, coe.

Leite de coco

Ingredientes:

  • 1 coco seco;
  • água quente.

Modo de preparo:

  • rale o coco e bata no liquidificador com água quente suficiente para cobri-lo, por, pelo menos, 5 minutos;
  • coe em um pano de algodão limpo.

Leite de soja

leite de soja como fazer

Embora seja o mais fácil e barato de comprar, o leite de soja industrializado está longe de ser uma opção saudável devido ao alto índice de conservantes e aditivos químicos presentes no grão que, além disso, é transgênico.

Ingredientes:

  • 2 xícaras de grãos de soja;
  • 5 litros de água.

Modo de preparo:

  • deposite a soja em 2 litros de água por 12 horas;
  • após, lave os grãos e descarte o líquido;
  • ferva 3 litros de água;
  • leve a soja para o liquidificador e, utilizando a função pulsar, adicione 1 copo de água de quente;
  • bata pulsando e adicione mais 3 copos;
  • continue batendo por mais 5 minutos e peneire, espremendo bem;
  • devolva a pasta de soja ao liquidificador e repita o processo, batendo, espremendo e inserindo o restante de água fervente (cerca de 6 copos);
  • enfim, coloque o leite numa panela e deixe ferver, mexendo sem parar;
  • passados 10 minutos, desligue o fogo e ponha o leite em banho maria invertido, isto é, pouse a panela dentro de outra cheia de água gelada.

Leite de gergelim

Os leites vegetais possuem diferentes teores de cálcio. Nesse sentido, se o objetivo é consumir um alimento que seja rico nesse elemento, opte pelo leite de gergelim. Veja a lista de ingredientes:

  • 1 copo de sementes de gergelim (sem sal);
  • 4 copos de água filtrada.

Modo de preparo:

  • bata os ingredientes no liquidificar;
  • coe bem. Está pronto seu leite vegetal.

Leite de inhame

Ingredientes:

  • 2 inhames pequenos e descascados;
  • 500 ml de água.

Modo de preparo:

  • Bata os ingredientes, coe e, se for necessário, guarda na geladeira por até 3 dias.

Uma sugestão especial para tornar seu leite de inhame ainda mais saboroso é adicionar amêndoas (previamente deixadas de molho por 8 horas), melado, frutas ou hortelã no momento de bater no liquidificador.

Agora você está prontx para fazer seu próprio leite vegetal. Embora exija um pouco mais de trabalho, essa pode se tornar uma atividade prazerosa de se realizar com toda a família, inclusive com os pequenos. Aliás, é importante ressaltar que todos esses leites são nutritivos e ricos em gordura, por isso podem ser aproveitados em receitas de bolos, sorvetes, pães, overnight oats, biscoitos etc.

O que mais você gostaria de saber sobre leite vegetal e substituições veganas de modo geral? Deixe um comentário!


4 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.