Blog
Saiba como cultivar uma horta doméstica – parte 2

Saiba como cultivar uma horta doméstica – parte 2

Na parte 2 desse assunto vamos abordar as características de um local apropriado, formas de cultivo, irrigação e preparação do solo, e dessa vez vamos concluir alguns pontos essenciais para garantir a qualidade da sua horta doméstica. Confira!

Já falamos na parte 1 deste post que cultivar uma horta caseira é sinônimo de saúde e bem-estar no dia a dia. Esclarecemos, também, que esse estilo de vida não é exclusividade de quem possui quintais espaçosos, dado que qualquer um pode plantar seu próprio alimento em um cantinho da casa ou apartamento.

Abordamos as características de um local apropriado, formas de cultivo, irrigação e preparação do solo, e dessa vez vamos concluir alguns pontos essenciais para garantir a qualidade da sua horta doméstica. Confira!

Adube corretamente

Além de ser previamente preparado para receber as plantas, o solo deve ser continuamente nutrido por meio da adubação para garantir o desenvolvimento de hortaliças bonitas e viçosas. Não podemos esquecer que essa é uma parte essencial do processo de cultivo, afinal, o adubo é indispensável para assegurar a disponibilidade de determinados nutrientes.

O solo pode sofrer com a carência de propriedades nutricionais importantes para uma planta crescer forte e saudável, e a falta de adubação, nesse caso, contribuiria para o desgaste natural da terra, a erosão e o excesso de umidade. Para amenizar esses impactos, é preciso adubar, pelo menos, a cada 15 dias.

Existem diferentes formas de fertilizar a sua horta doméstica: é possível aplicar o adubo diretamente no solo (lenta absorção), misturá-lo à água da rega ou, ainda, pulverizá-lo sobre as folhas das plantas (rápida absorção).

Você pode optar por esterco de galinha ou gado, húmus, adubos químicos, sulfato de amônio ou compostos orgânicos, como borra de café e cascas de bananas, ovos e vegetais. Lembre-se: quanto maior a variedade dos adubos utilizados, melhor a qualidade do seu alimento.

Entenda o tempo e o modo de colheita de cada espécie

Você sabia que o tempo para colher varia de acordo com a espécia cultivada? Outros fatores também influenciam isso: qualidade do solo, nutrientes disponíveis, eventuais pragas e doenças, hábitos de irrigação e época do ano.

Apesar de cada planta possuir um tempo de crescimento a ser respeitado, nem sempre é necessário esperar o completo desenvolvimento da hortaliça para efetivar sua colheita. Sendo assim, é fundamental conhecer algumas particularidades daquilo que você está plantando.

Por exemplo: algumas plantas de folhas — como alfaces — permitem colher somente as folhas externas em vez de toda a cabeça. Assim, você terá mais colheitas e fará saladas por um longo período com a sua horta caseira.

Essa é uma prática que pode garantir, também, um sabor menos acentuado em espécies como a rúcula e o almeirão, pois essas folhas tendem a ficar ainda mais amargas quando crescem demais.

Em hortas com tomates, tomates-cereja e pimentões, o ideal é sempre dar preferência aos frutos mais maduros. Uma dica para nunca faltar esse alimento na sua mesa é ter mudas crescendo, algumas iniciando a produção e outras já em fase final.

horta caseira

Com relação aos temperos, como a cebolinha, você deve fazer a colheita com tesoura, lembrando sempre de deixar cerca de 3 centímetros para rebrote. Uma alternativa, caso você não queira recorrer à horta o tempo todo, é cortar tudo de uma vez, picar, armazenar em potes fechados e estocar no freezer para não perder o plantio.

Powered by Rock Convert

Controle as pragas

Infelizmente, manter pequenas plantações não é uma garantia da ausência de pragas. Por outro lado, em uma horta doméstica, que possui proporções menores, é mais fácil e rápido tratar e controlar problemas como esse.

Trata-se, de modo geral, de um processo simples e caseiro, por esse motivo não é necessário nenhum inseticida industrial — na verdade, isso é perigoso, pois poderia gerar uma intoxicação. Em vez disso, adote meios mais acessíveis para combater as pragas nas suas hortaliças, como lavar os alimentos com sabão neutro, detergente de louça e extratos de pimenta ou alho.

Você pode iniciar o controle de pragas com uma catação manual de folhas infectadas e bichos. Caso não seja possível tratá-las manualmente, pesquise na internet os tipos mais comuns de pragas e doenças que atacam as plantas em questão e como curá-las com inseticidas naturais.

Para facilitar, separamos 3 receitas simples de inseticidas naturais que podem ser usados em hortaliças e demais plantas que ficam dentro de casa. Veja!

Inseticida de alho

Você vai precisar de:

  • 1 cabeça de alho;
  • cravo da índia;
  • 2 copos de água.

Bata os ingredientes no liquidificador até formar uma mistura homogênea e permita que ela descanse por um dia. Corrido esse tempo, misture mais 3 litros de água e mexa bem antes de borrifar o inseticida nas folhas das plantas.

Inseticida de pimenta

Você vai precisar de:

  • 6 a 10 pimentas;
  • água.

Bata as pimentas no liquidificador com 2 copos d’água, por 2 minutos, e deixe o composto descansar por uma noite. No dia seguinte, filtre o líquido e misture com mais água antes de borrifar nas plantas.

Inseticida de olho vegetal

Você vai precisar de:

  • 5 ml de óleo vegetal (algodão ou soja);
  • 0,5 ml de detergente neutro;
  • água.

Em um recipiente com capacidade de 1 litro, ponha o óleo, o detergente e complete com água antes de borrifar a mistura nas folhas, brotos e frutos da sua horta. Aplique essa receita quando a temperatura estiver amena, como no final da tarde.

Agora ficou bem mais fácil ter uma horta doméstica, certo? Contudo, atente-se a esses cuidados, pois eles são cruciais para cultivar alimentos com qualidade e segurança.

Quer se alimentar melhor? Então não deixe de conhecer 4 receitas veganas irresistíveis!

Escute este artigo no Spotify!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.