Blog
Veganismo e consumo consciente: o que tem a ver?

Veganismo e consumo consciente: o que tem a ver?

Você já parou para pensar que veganismo e consumo consciente são dois termos que andam juntos? O consumismo já faz parte da nossa sociedade e causa impactos negativos no meio ambiente, por essa razão, mais do que nunca, devemos buscar um equilíbrio entre as nossas necessidades e a saúde do nosso planeta.

Você já parou para pensar que veganismo e consumo consciente são dois termos que andam juntos? O consumismo já faz parte da nossa sociedade e causa impactos negativos no meio ambiente, por essa razão, mais do que nunca, devemos buscar um equilíbrio entre as nossas necessidades e a saúde do nosso planeta. É importante ressaltar que o objetivo deste texto não é trazer um esclarecimento relacionado ao tema, mas levantar um questionamento e discutir sobre algo atual e importante. Quer nos ajudar nessa reflexão? Acompanhe este post!

Powered by Rock Convert

O que é veganismo?

Veganismo é uma ideologia que visa, dentre outras coisas, o respeito aos animais e, consequentemente, à natureza. Nesse sentido, é razoável deduzirmos que essa filosofia está em busca do equilíbrio do homem com o meio em que vive. O estilo de vida vegano é conhecido por excluir o consumo de produtos de origem animal. Não só isso, as pessoas adeptas ao movimento evitam itens que envolvam qualquer tipo de exploração animal em sua cadeia produtiva, como testes.

O que é consumo consciente?

Todo consumo gera um impacto na economia, na sociedade e, também, na natureza. Nesse contexto, consumir com consciência significa adquirir produtos eticamente corretos, isto é, cuja elaboração não acarrete danos ao meio ambiente e não envolva exploração da vida humana e animal. Atualmente, existe uma série de práticas sustentáveis para aderir a esse modo de viver — métodos que vão desde evitar o desperdício de água, comida e energia até planejar compras e fazer escolhas de consumo mais benéficas para o homem, a sociedade e o mundo. Aliás, as pessoas estão cada vez mais envolvidas na onda do consumismo e, simplesmente, não percebem que já temos o suficiente, inclusive, para suprir as necessidades de algumas próximas gerações. E se parássemos de descartar e cuidássemos melhor do que já possuímos, fazendo com que as coisas durassem mais? E se comprássemos menos, mas com mais qualidade? E se reaproveitássemos o que já existe em vez de produzir mais e sobrecarregar o planeta?

Qual é a relação entre o veganismo e o consumo consciente?

O veganismo e o consumo consciente são conceitos que se complementam de muitas formas. Afinal, dentre tantos meios possíveis de se consumir conscientemente, a prática vegana se baseia em compras éticas, que não ferem o direito à vida de nenhuma forma. Ademais, não consumir produtos de origem animal implica na diminuição do consumo de água (o gasto é ainda maior durante a produção de carne) e redução do uso de embalagens (tendo em vista que alimentação vegana é, de modo geral, baseada em alimentos naturais). No entanto, nem tudo são flores nessa odisseia. É preciso refletir sobre os itens que parecem ser opções sustentáveis mas nem sempre o são. Por exemplo: um produto vegano, como um calçado de couro sintético, pode ser considerado sustentável mesmo sendo produzido à base de plástico? Existem muitos veganos que compram shampoos, sabonetes e outros itens naturais e 100% livres de crueldade animal de produtores locais, cujo modo de trabalho envolve insumos orgânicos e mão de obra justa e artesanal. Contudo, também existem os veganos que consomem os produtos de higiene adquiridos em hipermercados, industrializados e de marca internacional. Isso sem mencionar quando a empresa usa o veganismo como uma mera estratégia de marketing mesmo não seguindo a filosofia em seus processos produtivos. Na dúvida, você sempre pode produzir seus próprios itens de beleza. Ser um comprador consciente e vegano, ao mesmo tempo, não é uma tarefa simples. É bastante difícil dizer adeus, de uma vez por todas, para os produtos industrializados e toda sua história de produção (nem sempre sustentável). Todavia, é importante que as pessoas se esforcem para encontrar um equilíbrio pessoal, pois não existe certo e errado. E cada indivíduo tem seu tempo para tudo, não é mesmo? Isso não é uma competição. De toda forma, a redução é o melhor caminho para uma vida mais sustentável. consumir de modo consciente e ser vegano Agora, confira algumas dicas para consumir de maneira mais consciente e ajudar o planeta a ser um lugar melhor no futuro:
  • planeje suas compras — não seja impulsivo, compre menos e melhor;
  • avalie os impactos do seu consumo — questione se o produto é oriundo de uma marca que respeita o meio ambiente, os animais e seus colaboradores;
  • compre somente o necessário;
  • reutilize tudo o que puder, especialmente embalagens;
  • separe seu lixo — e o produza em menor quantidade;
  • tenha uma composteira;
  • conheça e valorize as práticas de responsabilidade social e ambiental das marcas que você consome;
  • não compre produtos piratas ou contrabandeados;
  • divulgue o consumo consciente.
Percebeu que o veganismo e o consumo consciente fazem sentido juntos? Agora você já entende a importância dos dois conceitos e pode convidar seus amigos e familiares para um bate-papo a fim de demonstrar como esse estilo de vida é benéfico para o planeta. Lembrando sempre, é claro, de que cada pessoa é única e tem um jeito próprio de enxergar a vida e suas particularidades. O que acha de compartilhar este texto em suas redes sociais para ajudar outras pessoas?

4 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.