Blog
Veganismo: tudo o que você precisa saber para dar os primeiros passos

Veganismo: tudo o que você precisa saber para dar os primeiros passos

É cada vez mais comum encontrar pessoas adeptas ao veganismo, afinal, esse estilo de vida tem ganhado notoriedade nos últimos anos em todo o mundo. Os veganos são verdadeiros defensores dos direitos dos animais e, ao contrário do que muitos pensam, comem muito bem e de forma variada, sem contribuírem para o sofrimento de outras espécies. Conheça um pouco mais neste post!!

É cada vez mais comum encontrar pessoas adeptas ao veganismo, afinal, esse estilo de vida tem ganhado notoriedade nos últimos anos em todo o mundo. Os veganos são verdadeiros defensores dos direitos dos animais e, ao contrário do que muitos pensam, comem muito bem e de forma variada, sem contribuírem para o sofrimento de outras espécies.

Entretanto, o que de fato é uma pessoa vegana? Quais as diferenças entre o veganismo e o vegetarianismo? E por qual razão aderir a esse movimento seria uma boa ideia?

Essas também são as suas dúvidas? Então confira tudo o que você precisa saber sobre veganismo para dar os primeiros passos!

O que é?

O veganismo vai muito além da alimentação e está bastante atrelado às motivações éticas de um indivíduo. Trata-se de uma filosofia de vida que valoriza o consumo consciente em suas diversas vertentes, visando eliminar todas as formas de crueldade e abuso contra animais.

Para exemplificar melhor, veja alguns exemplos de coisas que uma pessoa vegana não faz:

  • não se alimenta de carne ou qualquer outro produto derivado total ou parcialmente de animais — como ovos, laticínios e mel;
  • não adquire roupas e calçados de pele, lã etc;
  • não utiliza produtos de beleza testados em animais;
  • não frequenta parques, circos e demais atrações que usem animais em seus espetáculos.

Sendo assim, o movimento vegan é também uma postura política, pois busca evitar a exploração da vida animal pelo ser humano para alimentação, vestuário, entretenimento, trabalho, caça, commodities e todos os outros fins.

Qual a diferença entre veganismo e vegetarianismo?

Enquanto o veganismo vai além da dieta — isto é, dispensa o consumo de qualquer produto ou serviço que se prevaleça de animais, independente da finalidade —, o vegetarianismo diz respeito exclusivamente à alimentação à base de vegetais.

No geral, a diferença está nos hábitos de consumo de cada estilo. Tenha em mente, porém, que uma pessoa vegana é também vegetariana por definição, mas um vegetariano nem sempre será um vegano.

Quais os motivos para ser vegano?

Tomar a decisão de mudar radicalmente o estilo de vida não é uma tarefa fácil, especialmente quando falamos de alimentação e hábitos pessoais em um mundo onde o consumismo é desenfreado. No entanto, caso você esteja precisando de uma dose de motivação, separamos algumas boas razões para se tornar vegano. Confira!

Causa animal

É uma conta simples: menos animais são mortos ou alvos de crueldade quando alguém decide adotar esse estilo de vida. Embora não seja o único motivo para se aderir ao veganismo, muitas pessoas são motivadas pelo amor aos bichos para iniciarem essa transição.

Você já parou para pensar que inúmeros animais são mortos em prol da indústria alimentícia, usados como cobaias por empresas de cosméticos ou explorados em atividades de entretenimento? Nesse cenário, o veganismo significa resistência. Significa ter empatia pelos seres sencientes de todo tipo e respeitar suas vidas e liberdade.

Powered by Rock Convert

Meio ambiente

A alimentação vegana não contribui para o desmatamento da floresta Amazônica, cerrado e tantos outros biomas, por exemplo. Isso dado que, na atividade pecuária, são essas as áreas escolhidas para a abertura de pastos e plantações da soja, cujo destino é, majoritariamente, a alimentação do gado.

Não podemos esquecer da grande quantidade de gases poluentes que são emitidos para transportar esses animais — em péssimas condições na maioria das vezes. Além disso, o veganismo também ajuda a diminuir o consumo de água.

Saúde

A dieta vegana equilibrada é muito mais saudável, tendo em vista que reduz o risco de colesterol alto, previne diversos tipos de câncer e auxilia no controle do peso. Ademais, por se tratar de uma alimentação leve, ela não sobrecarrega o organismo e melhora o funcionamento do trato gastrointestinal humano — e isso favorece até a qualidade do seu sono!

veganoEconomia

Verduras, legumes, frutas e cereais são mais baratos que os produtos de origem animal —  especialmente se considerarmos toda a cadeia destrutiva da pecuária.

Contudo, atenção: o foco aqui não são as salsichas de soja ou os hambúrgueres vegetais industrializados, por exemplo. Essas opções realmente são mais caras, mas ajudam muito no dia a dia corrido das pessoas.

De qualquer forma, a nossa sugestão é ainda mais saudável para o seu corpo e bolso: alimentos in natura, os quais são facilmente encontrados em supermercados e feiras de bairro.

Como começar?

Mudanças desse tipo não acontecem do dia para a noite, por isso, é preciso ter muita força de vontade. Para algumas pessoas é mais difícil abandonar todos os hábitos de uma só vez — principalmente os que dizem respeito à alimentação. Uma alternativa, então, é cortá-los aos poucos da sua rotina.

Você pode, em um primeiro momento, abandonar a carne gradativamente, em alguns dias da semana, e depois cortar os laticínios, por exemplo. Sugerimos, ainda, que você faça um acompanhamento com o nutricionista para garantir uma alimentação equilibrada e evitar o surgimento de carências alimentares.

Atualmente, é muito mais fácil encontrar produtos veganos em supermercados e lojas virtuais. Inclusive, existem várias lojas de cosméticos e vestuário de pequenos produtores. Experimente dar uma busca rápida aqui no Busca Vegan para ter uma ideia!

Viu como aderir ao veganismo é bem mais simples do que parece? Ficou alguma dúvida? Deixe um comentário para que possamos ajudar você!

Escute este artigo!


Um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.